sexta-feira, 11 de agosto de 2017

Só para saber...

... não é humanamente possível ter a casa arruma por mais de 1 hora e meia (tempo de sesta) por dia quando temos os miúdos em casa todo o dia durante uma semana  pois não?
A diferença de uma casa que tem os seus habitantes mais novos a usufruírem dela das 17h00 até às 9h00 do dia seguinte e uma casa que os tem 24 horas é enorme.
Na primeira ainda chegamos a dar importância à decoração e à estética. Na segunda nada disso importa, queremos é estratégias de arrumação, tirar tudo o que se parte do alcance das mão e ter a esfregona e aspirador sempre à mão.
Neste momento a minha casa é uma destas. O Tomás e a Camila só vão ter escolinha em setembro e desde que mudamos que estão em casa comigo.
Acaba por ser um pouco ingrato porque sempre gostei de decorar a minha casa e estava super animada de o fazer na casa nova. Mas... nem penso mais nisso até eles entrarem para escola...
Mas dei comigo a pensar nestes dois conceitos e se, efetivamente, tivesse os dois em casa comigo a tempo inteiro que teria de pensar muito bem na organização da casa inteira. Eu sempre tentei que os quartos deles fossem para eles e não para a "foto do instagram" e sempre quis que as coisas deles tivessem à sua disposição da maneira mais acessível e fácil de tirar e colocar no sitio. Mas uma coisa é no quarto deles, outra é a casa inteira.  Nunca restringi os movimentos dos miúdos na casa, mas também apenas fiz os básicos que era afastar os perigos e minimizar a desorganização.
Mas agora em casa com eles é diferente, tudo está acessível para eles de forma controlada e isso implica prescindir de grande parte da decoração e arrumação estética.
Bom... por aqui é provisório e em setembro as coisas mudam e lá vão eles usufruir da casa por muito menos tempo e já posso pensar na decoração e afins, mas faço uma vénia bem grande a todas as mamas que estão com os miúdo a tempo inteiro e conseguem ter o seu mundo limpo e organizado! Amem a vocês!





Sem comentários:

Enviar um comentário